15. O Hábito de Ler

Edição: Setembro de 1997 (JJ Ano VI - Nº 24)
por: Adiel Almeida de Oliveira
Diretrizes: Abril/1987

O apóstolo Paulo recomendou: “Até à minha chegada, aplica-te à leitura, à exortação, ao ensino” (1 Tm 4:13). Embora naquela época os livros fossem raros, pois eram copiados um a um, o povo judeu ficou famoso (e ainda hoje tem esta fama) como povo alfabetizado, culto, e por isso influenciou o mundo de sua época.

Em 1979, ao visitar, com minha esposa, as escolas do Reino nos Estados Unidos, tivemos a oportunidade de assistir em uma delas uma aula de redação, preparando os alunos para de fato escreverem novelas, livros, ensaios, contos, enfim toda sorte de literatura. Em concurso realizado pelo Estado, os alunos daquela escola ganharam os primeiro lugares como escritores.

Nós sabemos que “os livros mais importantes ainda não foram escritos, os quadros mais lindos ainda não foram pintados, as músicas mais arrebatadoras ainda não foram compostas... isso está reservado aos filhos”.

Recentemente, uma pesquisa realizada na única entidade do mundo dedicada à pesquisa sobre a leitura, com sede nos Estados Unidos, várias conclusões foram tiradas acerca do que faz com que a pessoa se torne uma boa escritora - ou pelo menos uma boa leitora de livros:

1)A escola precisa criar uma relação de amor entre o aluno e o livro. A criança precisa associar o livro ao prazer, a uma atividade agradável, e nunca ao dever, à obrigação. Os professores devem ler frequentemente em classe, levando os alunos a verem o quanto é bom poder e dedicar-se a ler, para adquirir conhecimentos, e para se divertirem. Livros engraçados, contos interessantes, devem ser lidos para os alunos da pré-escola, antes que eles aprendam a ler. EM VEZ DE CONTAR ESTÓRIAS,  a professora deve LÊ-LA.

2) As pessoas que têm grande prazer na leitura, e especialmente as que se tornaram grandes escritores, foram as que tiveram pais que leram para elas em voz alta na infância mais tenra, ou seja, antes que tivessem aprendido a ler.

O que se verifica geralmente nas escolas e nos lares, é que tanto professores como pais pouco se interessam em criar hábitos sadios de leitura nos seus alunos e filhos, respectivamente. O resultado é um país de semi-analfabetos, de pessoas que aprenderam a ler na escola, mas nunca mais usam essa capacidade.

O povo de Deus é diferente. Muitas pessoas entre nós aprenderam a ler exclusivamente para poderem entender a Bíblia. Além disso, estão sempre exercitando essa capacidade, estudando a Palavra que Deus está dando. O resultado é pessoas que sabem se expressar com facilidade, sabem falar em público - coisa que vai ser muito necessária na plenitude da Igreja, quando todos chegaremos à medida da estatura da plenitude de Cristo, e a terra se encher do conhecimento da glória do Senhor, através de nós (Ef 4:13; Is 11:9 e Hc 2:14).

Esta é uma conclamação aos pais e professores, para que criem nos seus filhos e alunos o hábito de leitura. Os nossos pequenos gênios têm o potencial de se tornarem os melhores escritores do mundo.

Um homem chamado Karl Marx, filho de um pastor luterano, escreveu um livro intituladoDas Kapital (O Capital), e como consequência desse livro, hoje (na época em que Adiel escreveu esta Diretriz), a metade do mundo está sob regime comunista.

Quantos livros podem ser escritos, que levarão o mundo todo a submeter-se ao senhorio de Jesus Cristo, e a estabelecer o Reino de Deus na terra!

Profetize que o seu filho será um escritor, e comece a prepará-lo para isso quando ele (ou ela) completar um ano de idade, lendo para ele.

O mundo está sendo dominado por livros pornográficos e sujos. Está na hora dos filhos se levantarem e escreverem os livros que vão inverter essa tendência, e levar a humanidade para os pés do Senhor.

O Senhor te porá por cabeça, e não por cauda” (Dt 28:13).

(Complemento: Raimundo Barreto ...

Tudo o que você lê ou ouve torna-se a matéria-prima para o seu aprendizado e desenvolvimento. Em certo sentido, nosso cérebro se parece com um computador. Para que ele possa criar coisas interessantes, precisa ser alimentado com bons dados. Entretanto, nosso cérebro é melhor que o computador, pois a partir de nossa criatividade - algo que o computador não tem - podemos melhorar bastante a qualidade da informação que recebemos. Mas se o nosso cérebro for mal-alimentado ou mal-treinado, teremos muita dificuldade para aprender e criar.

As informações chegam ao nosso cérebro por dois caminhos principais: nossa audição e nossa visão. Ler e ouvir são as formas básicas usadas para “alimentar” nosso cérebro. É sobre esta matéria-prima, os dados armazenados em nosso cérebro, que o Espírito Santo se utiliza para despertar a criatividade.

Gn 1:1 e 2 contém este princípios bíblicos:

“A terra, porém, era sem forma e vazia; havia trevas sobre a face do abismo, e o Espírito de Deus pairava” (literalmente, chocava) “por sobre as águas. Disse Deus: Haja luz; e houve luz.”

Esta passagem está falando do poder criativo do Espírito de Deus. Note atentamente que Eloin criou os céus e a terra, e estes tornaram-se a matéria-prima para tudo o que foi feito pelo Espírito Santo. Por isso, podemos entender que o Espírito Santo não age sobre o nada, Ele “choca” sobre a matéria existente e, pela criatividade e Palavra divina, traz à luz as coisas novas.

Jesus afirmou, em Jo 14:26, que o Espírito Santo teria dois ministério importante: “nos ensinar todas as coisas e nos lembrar de todos os ensinamentos já recebidos”. Tanto no período de criação, como nestes tempo da dispensação da graça, precisamos desenvolver nossa capacidade de compreensão, a qual o Espírito nos auxiliará. Jesus também está afirmando que o Espírito Santo tem livre acesso a nossa memória, tanto a natural como a espiritual, e nos fará “refrescá-la”, lembrando-nos das verdades anteriormente lidas, ouvidas e apropriadas.

Dicas para ler melhor

As dicas abaixo servem tanto para a leitura de jornais, revistas, livros e da Palavra de Deus.

a) Quebre a inércia: qualquer leitor tem como primeiro desafio estar pronto para ler, disposto a aprender e aproveitar a leitura. Um ambiente agradável e sem distrações ajudará sua concentração, e possibilitará você a “ir fundo” na leitura.

b) Programe suas leituras: “Devorar” centenas de páginas de forma mecânica não tem muito proveito. “Beliscar”, um pouco agora, outro pouco depois, também não traz resultados satisfatórios. Desenvolva uma "dieta balanceada”. Uma das formas de evitar a avidez e falta de objetivo, é ordenar as leituras. Tire um tempo determinado para cada tipo de leitura: estudo escolar, leitura para diversão, para informação e da Palavra. Reserve as primícias do seu tempo para estudar e meditar na Palavra... invista no Reino em primeiro lugar.

c)Transforme o dever numa aventura: troque a idéia da obrigação “rotineira” do ler (ou estudar) pela “aventura diária do aprender e descobrir”. Não lhe parece muito mais agradável? Encare seu período de leitura (ou estudo) como uma experiência interessante e uma etapa para a realização dos seus sonhos maiores, tanto no nível profissional como no ministério.

d) Ponha seu coração no que você lê: Isto quer dizer que você deve realmente querer ler para progredir. Quando há determinação naquilo que você faz, os frutos certamente virão. Seja dedicado.

e) Esteja consciente do seu Parácleto[1]: Peça ao Espírito Santo que lhe guie a toda a verdade, seja ela natural, psíquica ou espiritual. Ele lhe guiará em seu estudo, na escolha da profissão, lhe dará sabedoria e discernimento em todo o momento. Ao ler ou estudar, lembre-se: “o espírito do profeta está sujeito ao profeta”..., leia tudo com discernimento. O Espírito revelará verdades incríveis nas matérias escolares, você receberá a impartição da Sabedoria divina através das coisas criadas, Rm 1:18-21.

f) Destaque as informações principais: Sublinhar passagens principais, assinalar dados, datas: tudo é válido e muito importante. Use uma caneta, tipo marca-texto, e não se acanhe em fazer setas, asteriscos e numerações. Isto ajuda a memória visual, além de destacar a informação no texto.

g) Tome nota e faça resumo das coisas que achou mais importante, esta é a melhor técnica para guardar informações e ordená-las em sua mente e espírito.

h) Vá em frente, preste atenção ao que entender e não interrompa a leitura se não entender algo logo de início. “Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis;batei, e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe; o que busca, encontra; e a quem bate, abrir-se-lhe-á” (Mt 7:7, 8). Continue lendo, avance além da página que teve dificuldade de compreender e não se intimide com referências, notas de rodapé, etc. Leia o trecho ou o livro até o fim, e o que lhe escapou na primeira leitura irá parecer mais fácil na segunda.

i) Auxílios visuais funcionam: Quando as crianças aprendem a ler, normalmente seguem com o dedo indicador as palavras no texto. Antigamente isto era tido como um erro, hoje porém, em vez de insistir para a criança retirar o dedo do livro, devemos pedir que mova seu dedo mais depressa. Essa “ajuda” estabelece o hábito de ritmo na leitura, que é muito útil para aumentar sua velocidade. Durante a leitura, o movimento de olhos com um auxílio (seja o dedo, caneta ou uma régua) é muito melhor que o movimento de olhos sem auxílio. Isto porque o auxílio visual funciona como um ponto de apoio para os nossos olhos e ajuda tremendamente nossa visão.

j) Esteja atento aos verbos: Note que, normalmente, a informação principal de uma frase está relacionada ao verbo. Para compreender um texto, inclusive bíblico, preste atenção ou destaque os verbos (aí está a Palavra, a ação, o movimento, espírito e unção).

k) Leia sempre: Você tem que transformar a leitura num reflexo. Não deixe de ler placas nas ruas, letreiros de ônibus, manchetes de jornais, legendas em filmes, letreiros em comerciais de TV. Nas reuniões da igreja, esteja sempre disposto a ler as passagens solicitadas, coloque-se à disposição.

l) Leia todos os dias: Procure fazer da leitura um hábito. Pesquisas revelam que crianças que lêem pelo menos 30 minutos por dia tornam-se excelentes leitores... e escritores.

m) Frequente bibliotecas e livrarias: Não só do comércio de sua cidade, mas também a de sua escola e igreja. Desenvolva não só o hábito de ler e estudar, mas principalmente o de pesquisar. A pesquisa expandirá sua capacidade de raciocínio, avaliação, discernimento, síntese, concentração e abstração.

n) Leia em voz alta: Reserve um tempo do seu dia para ler alto. Apenas 10 minutos diários podem produzir resultados excelentes. Aqui, principalmente, leia a Bíblia e as literaturas da Palavra Viva. Os resultados serão surpreendentes. Primeiro, pelo fato da Bíblia ter uma linguagem refinada e vocabulário extenso, lhe enriquecerá em muito. Depois você observará que este hábito lhe auxiliará na cura da timidez, você se sentirá mais seguro para ler e proclamar a Palavra, quando em público.

o) Desenvolva amor pelo saber: Este amor refletirá no carinho que você demonstrará pelos seus livros, principalmente a Bíblia, as literaturas da Palavra Viva, e outros que Deus usou para lhe enriquecer, e transformar você no que é hoje.

“Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios... Antes o seu prazer está na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite. Ele é como a árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto.” (Sl 1:1 e 2).

“Garimpando” informações

“... se apartares o precioso do vil, serás a minha boca...” (Jr 15:19b).

“Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento.” (Fp 4:8).

Na Escola de Profetas “Segredos do Crescimento”, o seguinte:

“O cristão espiritual compreende e examina os caminhos do espírito (2 Co 2:10-13). Ele aprende pelo espírito. As verdades que ele abraça não são descobertas pela sua sabedoria humana, mas como testemunho do seu espírito...

Sua mente deve dirigir-se para que não seja mais alimentada com as coisas deste mundo. Você não tem de ser conformado a esta era, mas ser transformado pela renovação da sua mente (Rm 12:1 e 2). É importante que você discipline cuidadosamente sua mente quando estiver lendo jornais, livros e revistas. As forças satânicas estão governando os meios de comunicação, criando uma guerra psicológicasutil, contra as mentes das pessoas. Sentar-se para assistir televisão com uma mente aberta pode moldar você mais do que você pensa. Deve haver um protesto contínuo e uma resistência em seu espírito às suas circunstâncias, quer você anuncie isto ou não... Desde o tempo em que nossos filhos começarem a falar, nós devemos ensinar-lhes como colocar os seus corações contra o mundo. Eles devem ser ensinados como ter domínio sobre seu ambiente e controlá-lo. Então eles estarão alertas às táticas de Satanás e serão capazes de resistir a elas. Se é a vontade de Deus que façam parte no sistema escolar do mundo, eles não estarão impedidos por isto. Em vez disto, deverão se tornar mais fortes por sua exposição ao ambiente hostil.”

Ao procurar e se expor às informações, mantenha seu espírito e mente alertas, para filtrá-las. Quanto a isso, esteja sempre comparando o que você lê ou ouve com os ensinamentos da Palavra; Ela se tornará o parâmetro de comparação, e você saberá separar as coisas valiosas das inúteis.

Crie seu futuro hoje

Na literatura “Sonda-me ó Deus” (última parte, às páginas 42 e 43), o irmão Stevens comenta:

“O jovem sonha: ‘No futuro eu serei um profeta. Que maravilhoso! Eu profetizarei para as nações e as colocarei aos pés do Senhor’. Então, ao invés de abrir a Bíblia para ler, ele abre uma história em quadrinhos. Os profetas de amanhã estão tirando proveito de cada minuto de hoje, lendo a Palavra e buscando o Senhor. Eles não fogem da batalha, pois reconhecem que ela é uma preparação para as grandes batalhas que estão por vir”...

Recentemente, um jovem que tinha a capacidade de se tornar um grande cientista me procurou para aconselhar-se. Ele ficou muito decepcionado quando eu lhe disse para voltar à escola para um tempo indeterminado, e então expliquei a ele o porquê. Em um futuro próximo precisaremos de homens capazes de projetar estradas e construir cidades, homens que estejam prontos para criarem novas invenções. Somos filhos do Reino. Prepare-se para isso! Não pergunte: ‘Como poderei competir com os gênios do mundo?’ Isto não é importante. Aprenda a digitar (datilografar rapidamente). Após ter aprendido a digitar, o Senhor lhe dará palavras e você poderá escrever os novos épicos, melhor do que ninguém. O Senhor o ensinará como fazer. Aprenda o ABC e ouse criar e fazer coisas que nunca existiram antes.Mas comece hoje.

.... fim do complemento).

[1] Palavra grega traduzida por Consolador em Jo 16:7, referindo-se ao Espírito Santo.

voltar para Para Jovens e Adolescentes

left show tsN fwR normalcase|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left show fwR uppercase bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase c05|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||