03. Lição 1 - Eu Não Tolerarei Demora

ESCOLA PARA PROFETAS

Lição 1 - “Eu Não Tolerarei Demora”

Nós convivemos hoje, com um mundo de passividade e desespero. Satanás tem drenado a esperança dos corações dos homens. Ele tem tentado atrasar e distrair o cristão até que sua fome por Deus desapareça completamente. Muitas vezes temos nos tornado complacentes e desenvolvemos tolerância com relação aos atrasos e demoras, ao ponto de nossos corações não recusarem mais as limitações.

Mas o Senhor nos prometeu: Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração (Jeremias 27:13). Se não buscarmos ao Senhor de todo o coração, com toda a motivação de nosso ser, não iremos encontrá-lO. Devemos nos apropriar de uma violência de espírito tão forte que nos leve a romper. Esta violência se manifestará e permanecerá em cada área de nossa vida à medida que declararmos: Seja feita a Tua vontade, assim na terra como no céu (Mateus 6:10).

Durante décadas temos vivido e praticado em nossas comunidades a Palavra Profética como ferramenta do Espírito Santo para “edificar, consolar, exortar (animar para a batalha) e ensinar”, conforme Paulo ensina em 1 Coríntios 14. O dom de profetizar é mencionado por Paulo como o principal dos dons e temos constatado isso.

Você tem sentido um atraso no seu caminhar com Deus? Então você precisa aprender uma chave simples que irá impulsioná-lo a movimentar-se e colocará sua vida em ordem.

Às vezes você olha para aqueles sonhos e visões que o Senhor lhe deu quando ainda era jovem, há muitos anos atrás, e se sente profundamente decepcionado com a demora e com os obstáculos que os impedem de se cumprirem? Procure, então, uma Palavra do Senhor que o impulsione para frente. Busque respostas nas Escrituras que o ajudem a entrar na abundância de Deus.

Você se sente incapaz de aceitar um fio d’água quando Deus disse que haveria uma onda gigantesca? Ou um aguaceiro? A chuva Serôdia? Você quer o cumprimento das Palavras que o Senhor tem falado – não só para você, para sua igreja, mas para todo o Reino do Senhor? O seu coração tem queimado com intensidade que clama: “Senhor, até quando?” Você é um daqueles que aguardam debaixo do altar - (Apocalipse 6:9-10) pelo dia em que tudo irá mudar? Espere a maré mudar para que a gravidade não o puxe para baixo, mas que a vitória o alcance nas maravilhas do Senhor. Lute para habitar nos lugares daqueles que ditam as ordens, lugares estes que pertencem aos filhos de Deus.

Esdras 3:4 - 5:2 nos mostra como os filhos de Israel resolveram o mesmo problema no dias de Neemias. Ao sétimo mês o povo de Israel se reuniu para celebrar a Festa dos Tabernáculos. De acordo com o calendário judaico, a Festa das Trombetas era celebrada ao primeiro dia do mês, ao décimo dia o “Dia da Expiação” e ao décimo quinto dia iniciava-se a Festa dos Tabernáculos. Jesua, o sacerdote, e Zorobabel o governador, levantaram o altar e ofereceram ofertas queimadas ao Senhor .Celebraram a Festa dos Tabernáculos como está escrito, e ofereceram holocaustos diários, segundo o número ordenado para cada dia; e depois disto o holocausto contínuo, e os sacrifícios das luas novas e de todas as festas fixas do Senhor, como também os dos que traziam ofertas voluntárias ao Senhor” Esdras 3:4-5.

Isto ocorreu nos dias da restauração, quando os filhos de Israel retornaram da Babilônia para onde haviam sido enviados como exilados por causa do julgamento de Deus. Desde o primeiro dia do sétimo mês, a “Festa das Trombetas”, iniciava-se o oferecimento de ofertas queimadas ao Senhor. Foi nesta época que eles começaram a usar a “Festa das Trombetas” para marcar o primeiro dia de um novo ano. A reconstrução do templo iniciou-se também naquela época. “Quando os edificadores lançaram os alicerces do templo do Senhor, apresentaram-se os sacerdotes, paramentados e com trombetas, e os levitas, filhos de Asafe, com címbalos para louvarem ao Senhor, segundo as determinações de Davi, rei de Israel” Esdras 3: 10. Enquanto construíam o templo eles adoravam. Você não pode separar o trabalho da adoração; eles devem sempre andar juntos, se você adora ao Senhor, mas não faz nada, você perceberá que sua adoração não terá significado. É a adoração daqueles que agem que tem a profundidade que Deus deseja.

Eles estavam louvando ao Senhor. “Porém, muitos dos sacerdotes e levitas e cabeças de famílias já idosos, que viram a primeira casa, choraram em alta voz quando à sua vista foram lançados os alicerces desta casa; muitos , no entanto, levantaram as vozes com gritos de alegria. De maneira que não se podiam discernir as vozes de alegria das vozes de choro do povo; pois o povo jubilava com tão grandes gritos que as vozes se ouviam de mui longe ” Esdras 3:12-13. As pessoas mais velhas que haviam conhecido o Templo de Salomão choraram quando viram serem estabelecidas as fundações do novo templo. Mas os jovens que nasceram no cativeiro se regozijaram.

Há, provavelmente, alguns santos hoje que olham para o que eles chamam de “os bons tempos” e relembram os dias em que eles se ajoelhavam e oravam uma noite toda para que um pecador entrasse na glória. Jesus disse: “E ninguém, tendo bebido o vinho velho prefere o novo; porque diz: O velho é excelente” Lucas 5:39. Contudo a forma antiga de agir sempre foi marcada por muitas limitações. As pessoas freqüentemente saíam da igreja sem terem ouvido uma Palavra Viva de Deus. Muitas vezes pessoas abandonaram o lugar de adoração sem nenhuma revelação em seus corações.

Por outro lado, muitos dos que não conheceram as coisas antigas se regozijam com o nascimento do novo dia, como os jovens exilados na Babilônia, eles desejam restabelecer a casa de Deus. Na medida em que lermos as próximas passagens veremos que os construtores do templo logo enfrentaram dificuldades.

“Então as gentes da terra desanimaram o povo de Judá, inquietando-os no edificar; alugaram contra eles conselheiros para frustrarem o seu plano, todos os dias de Ciro, rei da Pérsia, até o reinado de Dario, rei da Pérsia” Esdras 4:4-5. Durante o reinado de Artaxerxes, alguns conselheiros do povo da terra escreveram uma carta ao rei. Aqueles homens convenceram o rei Artaxerxes de que a renda dos reis diminuiria se os hebreus continuassem a construir o templo e os muros. Um deles disse: “Agora, pois como somos assalariados do rei, e não nos convém ver a desonra dele, por isso mandamos dar-lhe aviso” Esdras 4:14. Na verdade, aqueles homens não estavam preocupados com a prosperidade do rei. Eles estavam tentando impedir o povo do Senhor de consumar seu objetivo. O rei então respondeu: Por que há de crescer o dano em prejuízos dos reis? Ed. 4:22b.

O rei ordenou que fossem enviados soldados para que impedissem o trabalho do Senhor. Todo o projeto de reconstrução do templo estava totalmente interrompido uns anos após o primeiro grupo de pessoas haver retornado da Babilônia. Durante 15 anospermaneceu interrompida a reconstrução da casa de Deus. Somente 16 anos após o retorno daquele primeiro grupo, reiniciou-se a reconstrução do templo. Eles continuaram a reconstrução do templo e o templo foi dedicado com grande regozijo - Ed. 5 e 6.

Durante quinze anos o trabalho de reconstrução foi totalmente interrompido! Isto é inquietante. Sabemos que iremos prevalecer nesta geração, mas é triste ver que Satanás tem poder suficiente para atrasar o cumprimento de uma visão que o Senhor tem colocado diante de nós. Muitas pessoas têm palavras proféticas e promessas de Deus sobre suas vidas e, contudo, experimentam uma constante demora. Será que as profecias eram falsas? Não, elas eram verdadeiras. Então, por que as demoras? Por que atingimos apenas parte do cumprimento da Palavra de Deus e então somos impedidos e nos tornamos vítimas do atraso? Não queremos viver sob restrições. Há muito da obra do Senhor para realizarmos. A visão é pura e Deus tem falado claramente conosco, mas temos que vencer as demoras. O maior esforço parece pequeno em relação ao quadro total. Poderíamos comparar esses esforços a usar uma pistola d’água para apagar o fogo de toda uma floresta. Agora temos declamado: NÃO TOLERAMOS MAIS DEMORAS!

Os quatro primeiros capítulos de Esdras descrevem o problema que enfrentamos continuamente: OS ATRASOS E DEMORAS QUE O INIMIGO TRAZ. Para encontrarmos a solução iremos no ater ao capítulo cinco. Ora os profetas Ageu e Zacarias, filho de Ido, profetizaram aos judeus que estavam em Judá e em Jerusalém, em nome do Deus de Israel, cujo Espírito estava com eles. Então se dispuseram Zorobabel, filho de Sealtiel, e Jesua, filho de Jozadaque, e começaram a edificar a casa de Deus, a qual está em Jerusalém; e com eles os referidos profetas de Deus, que os ajudavam”.  Esdras 5:1-2. No capítulo anterior percebemos que o rei ordenou que a reconstrução fosse interrompida até que ele autorizasse o contrário. Conseqüentemente os hebreus estavam desobedecendo o decreto do rei. Eles decidiram obedecer a Deus e não ao homem. Eles foram ordenados a parar. Houve uma demora. Forças armadas investiram contra aqueles homens. Seus instrumentos de trabalho foram levados. Os inspetores da construção perguntaram: “Quem vos deu ordem para reedificardes esta casa e restaurardes este muro? ” Ed. 5:3b. O trabalho foi retomado à medida que Ageu e Zacarias encorajavam o povo e profetizavam a Palavra de Deus.

É interessante notar que foi Sesbazar um homem do qual sabemos muito pouco, quem estabeleceu os fundamentos do templo. Jesua, Zorobabel, Esdras e Neemias nos são nomes familiares. Mas quem era Sesbazar? Ele foi o primeiro homem a ter fé para fixar algumas estacas no chão e iniciar a obra do Senhor - Ed. 5:16. Nesta geração há, provavelmente, numerosos Sesbazares no Corpo de Cristo, aqueles que estão iniciando o trabalho do Senhor. Que o Senhor abençoe estes homens que têm esta visão e habilidade quer eles sejam ou não reconhecidos ou elogiados.

Tatenai, o governador da província, escreveu uma carta de inquirição ao rei Dario. Ele contou ao rei que os judeus estavam reconstruindo o templo e que ele havia perguntado a eles quem havia dado permissão para tal. Tatenai também relatou ao rei, tudo o que os judeus haviam dito em resposta e quem eram as pessoas envolvidas. O rei Dario sancionou um decreto permitindo que os judeus continuassem o trabalho.

Dario ordenou que os judeus não fossem impedidos de forma alguma, mas que, ao contrário, tivessem, toda a ajuda do povo da terra. O rei ordenou ainda que qualquer homem que violasse o decreto e tentasse, de alguma maneira, impedir a reconstrução do templo, teria arrancada de sua casa uma viga e nela seria pendurado e de sua casa seria feito um monturo - Esdras 6:11. O costume persa de empalar pessoas era provavelmente uma das formas mais cruéis de morte já conhecidas. A pessoa era empalada por uma estaca afiada fixada no chão. A estaca devia penetrar logo abaixo do coração. Era uma maneira torturante e demorada de morrer, provavelmente mais cruel que a crucificação, um costume romano.

A adoração ao Senhor esteve interrompida por quinze anos até o retorno da Babilônia. O louvor ao Senhor havia tido um atraso de quinze anos. Mas quando a libertação finalmente aconteceu, o decreto de Dario impediu qualquer demora. Aquele que atrasasse ou impedisse a construção seria destruído. A partir daquele momento qualquer pessoa que ousasse impedir a reconstrução do templo seria completamente arruinada.

O inimigo tem também atrasado o povo de Deus hoje, mas a visitação do julgamento de Deus varrerá estas demoras completamente. Estes atrasos não são direcionados contra cristãos pessoalmente e sim contra o próprio Senhor Deus, contra a Palavra e a restauração que Ele está trazendo e a adoração à Ele que está para surgir.

Qual é a chave para destruirmos completamente os atrasos? “... e com eles os referidos profetas de Deus, que os ajudavam” Esdras 5:2b. Os profetas Ageu e Zacarias estavam profetizando. Eles começaram a profetizar apesar do decreto de Artaxerxes. Após você andar ao redor de Jericó o número determinado de vezes e de dias, há o momento de gritar e fazer soar as trombetas. Este é o tempo para as muralhas caírem. Agora é hora das demoras contra o remanescente de Deus serem completamente varridas. Nós nunca seremos capazes de reconstruir os muros de Sião (monte que simboliza o Reino de Deus) enquanto não profetizarmos a queda dos muros da Babilônia (toda instituição humana, seja religiosa, política ou econômica). A voz do céu anuncia a queda da Babilônia: “Ouvi outra voz do céu, dizendo: Retirai-vos dela, povo meu, para não serdes cúmplices em seus pecados e para não participardes dos seus flagelos” Apocalipse 18:4.

Os atrasos e demoras que experimentamos em nossa vida podem fazer com que nos tornemos complacentes. Podemos desenvolver uma tolerância em relação às demoras até que nossos corações não mais recusem as limitações. Devemos rejeitar completamente as demoras em nossas vidas. O modo de vida atual tem aberto portas para que Satanás crie as demoras. A burocracia à qual estamos sujeitos é composta de mecanismos que adiam a obra do Senhor. Mas esta situação não irá mudar até que a rejeitemos completamente. Os profetas Ageu, um jovem, e Zacarias, mais idoso, proclamaram a Palavra do Senhor. Ageu profetizou por aproximadamente quatro meses e Zacarias por um período aproximado de dois anos. Cheios do Espírito do Senhor, eles quebraram o impasse. Eles começaram a profetizar a Palavra de Deus e em um período muito curto de tempo, o templo estava pronto. Eles foram como o exército de Joel que virá à luz na terra nestes dias. “E acontecerá depois que derramarei o meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e vossas filhas profetizarão, vossos velhos sonharão e vossos jovens terão visões.” Joel 2:28.

Você gostaria de ver o Senhor quebrar impasses para você? Não há nada mais eficaz do que repreender o devorador em nome do Senhor. Creia que você tem autoridade em Jesus Cristo para cumprir a vontade de Deus em sua vida. Você não tem mais que se submeter às demoras e atrasos que Satanás tem lhe imposto. Levante-se e profetize contra esses atrasos! Amaldiçoe-os! Destrua-os! Entre pela porta que o Senhor tem aberto diante de você e obedeça a Palavra que Ele tem lhe dado.

Devemos quebrar este espírito de demora pelo qual Satanás tenta nos atrasar. É verdade que algumas vezes vencemos, mas sempre perdemos algo com os atrasos. Os judeus conseguiram vencer às oposições e viram o templo construído, mas eles perderam quinze anos! Quantos anos você tem perdido por causa dos assaltos satânicos e atrasos? Este é o momento de prevalecermos contra estes atrasos.

O remanescente nos dias de Esdras construiu o templo primeiro e depois os muros. Os carregadores, com uma das mãos faziam a obra e com a outra, seguravam uma arma. Os edificadores traziam suas espadas à cinta - Neemias 4:17-18. Eles aprenderam, no templo, que não poderiam ser adoradores sem serem trabalhadores e, na construção dos muros, aprenderam que não podiam ser edificadores sem lutar. Você nunca construirá Sião até que comece a resistir, de todo o seu coração, às forças que Satanás usa na Babilônia para atrasar o trabalho do Senhor. Creia pelos rompimentos. Você quer ver estes impasses quebrados? Você quer o fim dos atrasos? Clame por isto com tanta intensidade que seu espírito não permita que você coma nenhuma comida desejável - Daniel 10:3. Como você pode se dar aos confortos da vida, quando está atribulado em seu espírito? Como você pode relaxar quando você sabe que a casa do Senhor está assolada? Como você pode confortavelmente olhar para a terra que você recebeu quando sabe que seus objetivos ainda permanecem nas mãos do inimigo?

Quando os israelitas tomaram posse de Canaã, Jerusalém, que estava bem no coração de Canaã ainda permanecia sob o controle do inimigo. Um dia, tornou-se necessário conquistar Jerusalém. Davi a tomou, e por isso ela era conhecida como a terra de Davi. Os inimigos de Davi zombaram dele, usando os aleijados e paralíticos para lembrá-lo de todos aqueles que ainda não haviam sido libertos - II Samuel 5:6-7. Não devemos permitir que as forças da Babilônia permaneçam. Muitas pessoas permanecem cativas e precisam ser libertas. Há muito trabalho a realizar. Muitas pessoas possuem um chamado de Deus para suas vidas e ainda estão coxeando em sua entrada no Reino. Quando a libertação virá? Quando estes ministérios virão à luz? Quando irão os mil profetas andar pela terra, libertando-a de principados e potestades? Nossa nação sobreviverá? Irá o sangue outra vez manchar as estrelas e as listras em uma lastimável revolução destrutiva? A hora de Satanás está fixada para trazer o fim de toda carne e Jesus disse que a não ser que esses dias fossem abreviados nenhuma carne se salvaria - Mateus 24:22. Os atrasos estão no plano de Satanás. Se ele puder atrasá-lo o suficiente, ele terá atingido seu objetivo.

Há muito o que fazer. Erga-se no espírito para lutar. Não cesse de declarar o julgamento de Deus sobre a futilidade até que esta esteja completamente exterminada. Varra, com sua intensidade, qualquer obstáculo que tem impedido você de receber as bênçãos que o Senhor tem para a sua vida. Esta é hora de você ser livre dos atrasos que estão sobre sua vida. Seja livre no nome do Senhor! Seja continuamente grato ao Senhor por tudo o que Ele é para você e por toda a palavra que provém de Sua boca. Agradeça ao Senhor por todas as promessas e diretrizes. Agradeça a Ele por cada visão e revelação que Ele tem trazido para o seu coração. Seja determinado a quebrar os impasses. Não haverá uma demora de quinze anos porque você é livre. Você é livre para andar na vitória que Ele tem dado a você.

Contudo, você não andará nessa vitória a não ser que haja violência em seu espírito: “Desde os dias de João Batista até agora, o Reino dos céus é tomado à força, e os que usam de força se apoderam dele” (Mateus 11:12). Se você não contender agressivamente, você se tornará apenas uma vítima da passividade desta era, obscurecido pela nuvem de futilidade sob a qual está toda a criação. Você tem lutado arduamente para escapar desta destruição. Portanto, não se deixe ser puxado para dentro dela outra vez.

Não aceite mais as demoras. Satanás e os principados e potestades estão tentando atrasar os planos de Deus. O tempo precisa ser remido e a única maneira de fazer isso é repreender as frustrações e demoras e romper em profecias contra elas. Se você usar qualquer outro método, Satanás estará fazendo com que você desça ladeira abaixo pisando nos freios. Devemos entender que o plano do Senhor é nos dar a vitória na medida em que profetizamos, intercedamos e clamemos a Ele. Não concordamos mais com a demora. Não temos que esperar mais. A Palavra de Deus tem proclamado por tempo que a hora é agora e não em algum momento no futuro.

É agora! É agora! Este é o dia que o Senhor criou! Em nome do Senhor Jesus Cristo nós vivemos esse dia e abraçamos nossa vitória agora.

Publicado por:
Reino Net

 

voltar para Lições da Escola

left show tsN fwR normalcase|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left show fwR uppercase bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase c05|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||