26. Estudo da Bíblia (Esboço: Tito)

AUTOR: Não se pode ter certeza de onde foi que Paulo escreveu sua epístola a Tito. Paulo estava provavelmente em algum lugar na Ásia (Éfeso?), em cerca de 63 d.C., para onde fora, tendo vindo de Roma, depois que foi solto de seu primeiro aprisionamento. Partindo para o oriente, ele deixou Tito em Creta. Enviou esta epístola, provavelmente por meio de Zenas e Apolo, que talvez estivessem a caminho de Alexandria. Deve ter sido escrita mais ou menos no verão do ano de 65 d.C. pouco antes da primeira carta a Timóteo.

PROPÓSITO: Paulo havia partido de Creta a fim de reformar a uma igreja fraca e corrupta. Ele escreve esta carta  a fim de reafirmar os objetivos que ele teria de promover (1:5). Isso requer a inclusão de orientações gerais para a instalação de uma liderança de anciãos qualificados, nas congregações e para tratar de influências perniciosas do legalismo e da tendência de transformar tudo em mito, conforme se encontra no Talmude e nos Midrashins (1:10-16). Com toda certeza essa carta tivera a intenção de fortalecer as mãos dos representantes de Paulo em suas respectivas tarefas. Tito tinha a seu encargo um grupo de ouvintes pouco invejáveis em Creta, de conformidade com Tt 1:10 e ss. Era necessário se preocupar com a sobriedade pela sã doutrina e pela conduta correta  ensinando essas coisas aos outros (Tt 2:1,15; 3:8).

Em vista desses problemas, Paulo esboça áreas específicas da responsabilidade moral cristã para o ministério de Tito junto a cada grupo de classe livres e escravos, a fim de que possam cumprir as obrigações da verdadeira fé (2:1-10; 3,1,2). Em duas belas passagens, Paulo relembra a Tito sobre importantes aspectos do evangelho. Na primeira (2:11-15) ele explica a necessária relevância da graça salvadora de Deus em Cristo para o comportamento cristão. Na segunda (3:3-7) apresenta um testemunho humilde sobre o que Deus fizera em sua própria vida por intermédio de Cristo, e que também pode fazer na vida do mais vil cretense que vier a confiar nEle. Ele exorta acerca da pregação do evangelho e de como se deve evitar discussões com os legalistas judaicos (3:8-11). Paulo encerra com duas solicitações (3:12-15).

 

ENRIQUECENDO OS CONHECIMENTOS:

Creta: Uma ilha, também conhecida por Cândia; montanhosa, mas seus vales eram férteis, populosos e ricos. Seu monte mais alto, Ida, era famoso como local legendário do nascimento de Zeus, o deus grego. Cidade do semi-lendário legislador Minos, filho de Zeus e do fabuloso Minotauro. Seu povo era aparentado com os filisteus, julgando-se que eram os mesmos queretitas (I Sm 30:14). Navegantes afoitos e famosos arqueiros, de muito má reputação moral.

 

ESBOÇO PARA ESTUDO:

 

(    ) SAUDAÇÃO A TITO, DELEGADO APOSTÓLICO DAS IGREJAS DE CRETA, 1:1-4 – em todas as suas saudações, Paulo não se esquece de mencionar quem o enviara; nesta carta não foi diferente. Aqui ele menciona Deus e Jesus em um mesmo plano, indicando assim a divindade de Jesus.

INSTRUÇÕES GERAIS PARA REFORMAR A VIDA DA IGREJA EM CRETA, 1:5-16

(    ) Qualificações para a liderança dos anciãos, 1:5-9 – as qualificações do presbítero são idênticas às mencionadas na carta a Timóteo.

(    ) Avisos especiais contra as perniciosas influências dos judaizantes, 1:10-16 – as igrejas cretenses estavam assediadas de falsos mestres, que como o referido em II Pe. 2 e Judas, enquanto professavam ser mestres cristãos eram “abomináveis” e  “reprovados”, v. 16. “Casas inteiras”, v. 11 se refere a congregações inteiras, porque as igrejas se reuniam em casas de família. O poeta cretense citado v. 12 é Epimenides, 600 d.C. Devia-se impor silêncio aos falsos mestres não pela força, mas por uma vigorosa proclamação da verdade, v. 11.

 

INSTRUÇÕES ESPECÍFICAS PARA A PREGAÇÃO AO POVO, 2:1-15

Responsabilidades morais dos crentes, 2:1-10

(    ) Quanto aos homens e mulheres idosas da congregação, 2:2-5 – os crentes deveriam ser diferentes dos cretenses incrédulos; virtudes morais e procedimento social correto deveriam se evidenciar entre eles, a fim de que a Palavra não fosse difamada pelos opositores.

(    ) Quanto aos jovens, 2:6-8 – os jovens deveriam ser comedidos e disciplinados em sua conduta não dando assim oportunidade ao inimigo de os difamar.

(    ) Quanto aos escravos, 2:9,10 – os escravos cristãos deveriam continuar servindo oas seus senhores, sendo esses cristãos ou não; e sua dedicação deveria ser ainda maior, a fim de que o nome do Senhor fosse honrado entre todos.

(    ) Relação necessária entre a salvação e a ética pessoal, 2:11-15 – a esperança na Segunda vinda do Senhor leva cada cristão a viver vida digna e demonstrações de boa conduta e boas obras, pois os que são do Senhor foram para tal fim designados.

 

INSTRUÇÃO FINAL PARA OS CRENTES NO MUNDO, 3:1-15

(    ) Responsabilidades civis e sociais dos crentes, 3:1,2 – a obediência às autoridades é virtude cristã de primeira ordem, pois estas são  instituídas por Deus. Os filhos de Deus devem ser bons cidadãos na terra, Rm. 13-1-7; I Pe. 2:13-17.

(    ) Testemunho pessoal sobre o poder de Deus para salvar qualquer pecador por meio de Cristo, 3:3-7 – não importa a condição pecaminosa em que se encontra o homem, ao crer na morte de Cristo, e que o Seu sangue pode purificá-lo do seu pecado todo o passado é apagado e uma nova vida se desponta para ser vivida intensamente em Deus.

(    ) Conselho final para pregar o Evangelho e não discutir com os legalistas, 3:8-11 – a salvação é para ser vivida, e não para ser discutida se extremando a discussões de questões fúteis e banais, que nenhum proveito traz aos que nelas se envolvem.

(    ) Pedidos pessoais finais, 3:12-15 – como se tornou comum no final de suas cartas, Paulo faz pedidos particulares, expondo suas necessidades e carências a seus irmãos, suplicando-lhes ajuda, oração e intercessão para continuar  em sua missão de propagar a Palavra de Deus.

 

voltar para Estudos da Bíblia

left show tsN fwR normalcase|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left show fwR uppercase bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase c05|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||