02. Pão: Introdução

O pão é citado centenas de vezes na Bíblia, muito mais do que qualquer outro alimento. Há vários trechos em que irmãos se reúnem para comer pão, o pão é oferecido a um estranho, e Deus oferece pão a seu povo no deserto. Jesus descreveu a si mesmo como o Pão da Vida, o alimento básico e fundamental para a vida de todo Homem (João 6:35).   

O pão de cevada provavelmente era o mais largamente empregado. O pão de trigo era mais altamente apreciado, e provavelmente era bastante comum.

O termo geral para grão era dãghãn. Após passar pela eira e pela peneira, o grão ou era esmagado num pilão com a mão do pilão, ou então era moído num moinho de pedra, na qual a pedra superior era esfregada para frente e para trás sobre a inferior.

A farinha, misturada com água e temperada comsal, era amassada numa gamela especial. A isso era adicionado o fermento na forma de uma pequena quantidade de massa velha fermentada, até que o todo estivesse fermantado. O pão sem fermento (chamado "asmo", da Páscoa), era também cozido.

O  método tradicional de preparo do pão era utilizar pedra em brasa, conforme foto abaixo e texto de 1 Reis 19:6: "Olhou Elias, e viu, junto à cabeceira um pão cozido sobre pedras em brasa, e uma botija de água. Comeu, bebeu, e tornou a dormir". Também se utilizavam fornos ou grelha. O pão fermentado era usualmente conformado em forma redonda, chata, enquanto que o pão asmo tinha a forma de bolos finos.

voltar para Dieta Saudável

left show tsN fwR normalcase|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left show fwR uppercase bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase c05|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||