OMJ

Orando pelo Brasil
Todas as Segundas-feiras às 20:30 hs 
www.omjbrasil.com.br
Sala de Conferência (OMJ - Operação Marcha de Jericó)

 
Cântico e Mensagem do dia (15 min):

Este é o Dia, Esta é a Hora!

30 de Janeiro de 2008
Bosques, Florencio Varela - Argentina
Quarta-feira à noite
Série OMJ (Operação Marcha de Jericó)

Palavra Por: Adauto Martins
Tradução: Veronica Rodrigues
Transmissão ao Vivo pela Internet pela “Sala de Conferência ReinoNet”, contando com participação de irmãos do Brasil.

RESUMO: Assim como aconteceu nos dias da RESTAURAÇÃO DE JERUSALÉM, o Senhor tem levantado e enviado Seus profetas para animar o povo à construção. Assim como a obra de reconstrução dos muros e da cidade de Jerusalém foram possíveis pela OBEDIÊNCIA do povo à Palavra Profética, que veio por meio de Ageu, em nossos dias a obediência à Palavra será o fator de sucesso na implantação do Reino. Receberemos a AUTORIDADE do Senhor para estabelecê-lO como único Senhor e Rei sobre todas as coisas, na medida em que formos obedientes aos Seus ensinamentos e Palavras. Estamos sendo edificados casa espiritual de Deus, para a Sua habitação em plenitude. A promessa é que seremos glorificados com Ele e Ele admirado em nós. Então, além de submissão e obediência, precisamos de FÉ para apropriarmos de todas as promessas para esta hora, e liberar todo o potencial da Palavra de Deus.

Textos Bíblicos: Ageu 1:2-15; Efésios 2:20-22; Lucas 19:44; Mateus 28:18, 19; Efésios 3:10; Efésios 1:10;Efésios 4:13; Efésios 3:19; 2 Tessalonicenses 1:10. 

Eu quero primeiro dizer uma coisa: Só Cristo será exaltado. Somente Ele será reconhecido como Rei e Senhor absoluto sobre todas as coisas. O que estamos fazendo aqui é exatamente isso: estabelecendo o Reino de Deus para que Jesus Cristo reine para sempre.

Há alguns meses tenho estudado um assunto na Palavra, desde quando veio a direção para nos prepararmos para a OMJ (Operação Marcha de Jericó) em Brasília, no início de janeiro. E todas as mensagens que tenho ouvido nestes dias complementam o que eu tenho estudado.

Eu gosto muito de tentar descobrir qual é a vontade de Deus para nós e como haverá de se estabelecer o Seu plano sobre a terra.

Ao lermos as Sagradas Escrituras percebemos que existe muito simbolismo no que Deus fez através de Seu povo, desde o Antigo Testamento. Quando o povo de Deus voltou do cativeiro na Babilônia, eles receberam ordens de Deus para restaurar e reconstruir o tempo e os muros de Jerusalém. Naqueles dias foi muito importante como os profetas, que o Senhor levantou, trouxeram a Palavra para o povo e como o povo entrou em obediência à Palavra. Assim a reconstrução pôde acontecer.

Eu gostaria de ler o texto do profeta Ageu 1:2-9 – “Assim diz o SENHOR dos Exércitos: Considerai o vosso passado. Subi ao monte, trazei madeira e edificai a casa; dela me agradarei e serei glorificado, diz o SENHOR. Esperastes o muito, e eis que veio a ser pouco, e esse pouco, quando o trouxestes para casa, eu com um assopro o dissipei. Por quê? - diz o SENHOR dos Exércitos; por causa da minha casa, que permanece em ruínas, ao passo que cada um de vós corre por causa de sua própria casa”. Será que vemos nesta passagem alguma semelhança com os nossos dias? Muita, não é? Atrás de quantas coisas corremos e nos esquecemos do principal, que é o Reino de Deus. Eu creio que, quando esta palavra fala sobre a reconstrução da casa de Deus, para hoje, para nossos dias, não está falando de um templo físico, mas de uma casa espiritual, ou de uma situação espiritual especial, em que nós próprios somos edificados o Templo de Deus, para sermos cheios desta presença maravilhosa de Deus, do Seu próprio Amor, que é a Sua Natureza (Efésios 2:20-22).

Mas, naquele tempo, aconteceram alguns empecilhos para que os muros do templo fossem reconstruídos. Primeiro Deus mostrou a situação em que eles estavam: semeavam muito e colhiam pouco. Trabalhavam muito, mas os seus bolsos eram como furados. E muitas coisas aconteciam e eles não sabiam o porque. Foi preciso Deus levantar um profeta que advertisse o povo. E foi muito interessante o que aconteceu, depois que a Palavra Profética veio através do profeta Ageu. Os versículos 12 a 15 de Ageu dizem assim: “Então, Zorobabel, filho de Salatiel, e Josué, filho de Jozadaque, o sumo sacerdote, e todo o resto do povo atenderam à voz do SENHOR, seu Deus, e às palavras do profeta Ageu, as quais o SENHOR, seu Deus, o tinha mandado dizer; e o povo temeu diante do SENHOR. Então, Ageu, o enviado do SENHOR, falou ao povo, segundo a mensagem do SENHOR, dizendo: Eu sou convosco, diz o SENHOR. O SENHOR despertou o espírito de Zorobabel, filho de Salatiel, governador de Judá, e o espírito de Josué, filho de Jozadaque, o sumo sacerdote, e o espírito do resto de todo o povo; eles vieram e se puseram ao trabalho na Casa do SENHOR dos Exércitos, seu Deus, ao vigésimo quarto dia do sexto mês.” (Ageu 1:12-15).

No versículo 12 há uma frase que diz que Zorobabel, Josué e todo o resto do povo atenderam à voz do Senhor. Ou seja, houve OBEDIÊNCIA à Palavra. Esta é uma atitude que Deus exige de Seu povo com relação à Sua Palavra, porque Ele sabe que na nossa submissão está a nossa segurança. Quando somos submissos a Deus, somos protegidos por Ele. Temos certeza disse e experimentado isso na nossa vida diária. E precisamos estar atentos para este tempo em que nós estamos vivendo agora, para que não aconteça como foi falado dos filhos de Jerusalém, que não prestaram atenção à dispensação que estava acontecendo em seus dias e que não reconheceram a oportunidade da visitação - eles “perderam a hora” (Lucas 19:44).

Agora nós estamos diante de um tempo especial de Deus. Nós todos sentimos isso quando fomos a Brasília, desde quando fomos despertados por um profeta anteriormente levantado por Deus e que estabeleceu que precisávamos ir a Brasília para proclamar para o Brasil o começo de coisas grandiosas. E depois aquela unção se estendeu para a Argentina e, creio, creio firmemente, que o que está acontecendo aqui é o começo de uma coisa grandiosa que se estenderá por toda a América Latina e para o mundo também. Não que sejamos dignos disso, mas a presença de Deus em nós faz as coisas aconteceram. Somos apenas canais, submissos à Sua vontade. Creio que estamos vivendo este tempo e precisamos estar atentos para ele, para não perdermos a oportunidade que está sendo dada a nós.

Eu gosto muito de fazer algumas perguntas para mim mesmo e agora faço para vocês: Quem eu sou? Onde estou? Para que estou aqui? O que me aguarda? O que preciso fazer? Todas estas perguntas podem ser respondidas pela Palavra de Deus. Nós precisamos ter a revelação e a visão de quem somos diante do projeto de Deus. E o que e aonde devemos fazer. Para algumas pessoas pareceu sem propósito que fôssemos a Brasília e viéssemos à Argentina, quando outras pessoas poderiam fazer isso. Quando Deus poderia fazer algo aqui mesmo, sem precisar de nós. Mas Deus se move de maneira, muitas vezes, estranha. Apenas o que Ele quer das pessoas que Ele chama e levanta é que sejam submissas aos Seus mandamentos e ao que tem nos ensinado. E o que Ele tem nos ensinado nestes dias é uma Palavra Viva que tem nos trazido à Sua presença de uma maneira intensa, reconhecendo-O como Senhor, Deus e Rei absoluto sobre todas as coisas.

Vamos continuar a leitura do livro de Ageu 2:21 a 23 – “Fala a Zorobabel, governador de Judá: Farei abalar o céu e a terra; derribarei o trono dos reinos e destruirei a força dos reinos das nações; destruirei o carro e os que andam nele; os cavalos e os seus cavaleiros cairão, um pela espada do outro. Naquele dia, diz o SENHOR dos Exércitos, tomar-te-ei, ó Zorobabel, filho de Salatiel, servo meu, diz o SENHOR, e te farei como um anel de selar, porque te escolhi, diz o SENHOR dos Exércitos.” Depois da Palavra de Deus trazida por Ageu, ele trouxe mais alguma coisa para aquele homem, Zorobabel, governador daquela região: uma palavra de autoridade dizendo que ele seria como um “anel de selar”. O anel de selar era usado pelo rei, ou as autoridades maiores do país, para selar os documentos. O ato de selar dava autenticidade ao documento, mais do que a própria assinatura. E ele prometeu isso a Zorobabel. Eu creio que Deus também está nos dando esta mesma autoridade.

Este povo que está sendo levantando, que às vezes chamamos de remanescente, ou filho varão, ou Corpo de Cristo, ou filhos do Reino de Deus, é um povo que vai manifestar toda a autoridade de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele disse a Seus discípulos: “Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra, por isso, ide, e em meu nome façam todas as coisas” (Mateus 28:18, 19). Cristo nos dá uma procuração de plenos poderes e autoridade. Agora precisamos, apenas, ser submissos àquilo que Ele nos ensinou e ordenou. Ele nos deu uma Palavra e um ensinamento que nos leva a esta autoridade. E nós sabemos que esta autoridade não é nossa, mas é a autoridade dEle. É Ele destronando através de nós (Efésios 3:10). Nós precisamos reconhecer esta verdade.

É por esta razão que, muitas vezes, ensinamos sobre um espírito quebrantado e sobre os humildes de coração, porque são estes que vão reconhecer a grandiosidade de Deus e a autoridade que Ele deu a Seu Filho para comandar todas as coisas na terra (Efésios 1:10). E isto está à nossa disposição; é nosso por herança. Nós somos herdeiros de Deus e co-herdeiro com Cristo (Romanos 8:17). Participamos de Sua vida e de tudo o que Ele recebeu. Apenas precisamos ter uma atitude além da submissão e obediência: fé em nossos corações. Fé para crer que isso já foi feito, não é algo que ainda irá acontecer. É algo que está à nossa disposição como um potencial maravilhoso e apenas precisamos abrir a torneira ou ligar o interruptor, e todo o potencial será ativado. Este potencial de Deus é nosso. A Palavra diz que nós alcançaremos a plenitude de Cristo, Efésios 4:13, e vai mais adiante, diz que nós seremos englobados pela plenitude de Deus (Efésios 3:19). Você pode crer nisso?

Nesta noite eu quero impartir esta palavra a vocês. Quero dizer que nós somos participantes desta plenitude. O que nós estamos vendo é tão somente uma pequena amostra da grandiosidade do que Deus tem para nós nestes dias. Eu creio que esta é uma dispensação maravilhosa do tempo, quando nós seremos glorificados COM ELE; quando seremos admirados porque cremos nEle, porque nos moveremos no Amor de Deus (2 Tessalonicenses 1:10).

Amém!


  ===================== 

I)  Estado e Capital do dia (26 de DEZEMBRO) - 10 min. 

Roraima (Boa Vista):
Comissionados: Oélio e Benedita (Campinas-SP) / Domingos e Ginete (Passos-MG)
Tópicos:
1) Governo declarou situação de emergência em 4 municípios do estado, nas quais estão sofrendo consequências com a estiagem.
2) Crendices e fortes tradições indígenas exercem influência no estado por meio de curandeirismo e pajelança.
3) Falta reforço nas fronteiras (com a Venezuela e a Guiana) que têm sido alvo frequente de contrabando e todo tipo de tráfico (drogas, armamentos, animais, mulheres).
4) Há precariedade na área da saúde (faltam hospitais, leitos, ambulâncias, profissionais, equipamentos para procedimentos)
5) Palmira, nosso contato em São João da Baliza-RR e demais contatos que o irmão Antônio Miranda (de Manaus) fez com alguns pastores em Roraima.

 

II)  Tópico Nacional

- Pela continuidade das apurações na operação Lava-Jato e pela equipe que está trabalhando nesse processo: Juiz Sergio Moro, procuradores, promotores, delegados, policiais. Que a vontade e o propósito de Deus para o Brasil prevaleçam nesse país e que não seja aprovado nenhum projeto ou lei visando esvaziar ou interromper as apurações e condenação dos culpados pelas irregularidades.

III) Tópicos das 4 regiões da OMJ - 25 min.
(Uma região a cada segunda-feira)


Dia 05 - 1a. segunda-feira de Intercessão (Sopro do Sul):

Santa Catarina (Florianópolis):
Comissionados: Odone e Nice (São Paulo-SP) / Sebastião e Arlene (Igarapava-SP)
a) Tem havido muita violência por todo o estado.
b) Orar pela segurança pública.

São Paulo (SP):
Comissionados: Josias e Luciana (Belo Horizonte-MG) / Luis Antônio e Silvana (S.J.Rio Preto-SP)
a) Violência
b) Problemas no Transporte coletivo
c) Crise hídrica 

Paraná (Curitiba):
Comissionados: Norberto e Adélia (Curitiba-PR) / Antonio Carlos e Isarina (Araxá-MG)
Governador do Paraná: Beto Richa
Prefeito de Curitiba: Gustavo Fruet

a) Saúde publica: está muito precária.
b) Segurança: tem havido aumento na criminalidade, muitos jovens envolvidos nas drogas.
c) Educação: tem havido muitas greves na área da educação


Mato Grosso do Sul (Campo Grande):
Comissionados: Geraldo e Elenir (Igarapava-SP) / Riberto (Ribeirão Preto-SP)
a)  

Rio Grande do Sul (Porto Alegre):
Comissionados: Wagner e Márcia (Brasília) / Iranildo e Ilda (S.J.Rio Pardo-SP)
a) Uma Porta do Reino para Argentina, em unidade com irmãos da Argentina.

Dia 12 - 2a. segunda-feira de Intercessão (Cinturão Verde):

Distrito Federal (Brasília):

Comissionados: Paulo Leite e Eliete (Belo Horizonte) / Joaquim e Jamila (Araxá-MG)
a) Fim das desigualdades nas áreas de Segurança, Saúde, Educação e emprego entre a cidade de Brasília e as cidades satélites.
b) Pelos jovens, libertando-os do uso das drogas e da violência.

Espírito Santo (Vitória): 
Comissionados: Maurício e Nivalci (São Paulo) / Danilo e Leandra (Matinha-MA)
a) Abençoar os contatos que foram feitos em Vitória
b) Abençoar e estado contra a epidemia de zika, dengue e chikungunya
c) Abençoar o estado por causa da tragédia ambiental que aconteceu em Minas e atingiu várias cidades do ES até o litoral norte.


Goiás (Goiânia):
Comissionados: José Rosa e Bernardete (Ribeirão Presto-SP) / Evanor e Edilene (Matinha-MA)
a) Danos ambientais - A expansão da agropecuária tem causado prejuízos ao cerrado goiano.
b) Goiânia é a cidade mais desigual do Brasil: ONU revela que Goiânia é capital que têm a maior diferença entre ricos e pobres.
c) Há muito misticismo pagão espalhado por todo o estado.

Mato Grosso (Cuiabá): 
Comissionados: José Abud (Taquaritinga-SP) / Luiz Flávio e Norma (Belo Horizonte)
a) Orar pela Administração Pública e pela área da Agricultura. O estado é o maior produtor de soja do país.

Minas Gerais (Belo Horizonte):
Comissionados: Wagner e Arlene (Ribeirão Preto-SP) / Eli e Rosa (São Luis-MA)
a) Lidera o ranking de risco de corrupção.

Rio de Janeiro (Rio de Janeiro - Capital):
Comissionados: Gilmar e Arli (Igarapava-SP) / Paulo César e Mariney (Brasília) 
                            Joabe Borges e Vasti (S.J.B.Glória-MG) / Denis e Débora (Brasília)
a) Área da saúde que está muito precária.
b) Pela segurança do Rio, principalmente nesse período da Olimpíada.


Rondônia (Porto Velho): 
Comissionados: Criszógenes e Djanice (Garanhuns-PE) / Ivo (Garanhuns-PE)
a) Orar pela fronteira com a Bolívia, que tem sido uma porta de entrada para diversos tipos de produtos ilegais.

Dia 19 - 3a. segunda-feira de Intercessão (Operação Muda Nordeste):

  • Andamento e conclusão da Transposição do Rio São Francisco.

Tocantins (Palmas):
Comissionados: Adauto e Eliude (Salvador-BA) / Joézer e Joana (Belo Horizonte-MG)
a) O reconhecimento do Senhorio de Jesus Cristo;
b) Pelo governador, Marcelo Miranda, senadora Kátia Abreu e o prefeito de Palmas, Carlos Amastha;
c) Por todas as famílias cristãs que desejam uma experiência maior com Deus. E a experiência de salvação para aquelas famílias que ainda não conhecem ao Senhor.

Bahia (Salvador): 
Comissionados:  Carlinhos e Rose (Brasília) / Richard e Renata (São Paulo-SP)

Governador da Bahia: Rui Costa
Prefeito de Salvador: ACM Neto

a) Libertação de toda escravidão religiosa

b) Revelação do Reino de Deus e da Palavra Viva ao coração dos filhos de Deus, para que venham à luz. 
c) Prosperidade econômico-financeira, varrendo toda pobreza do estado. 

Ceará (Fortaleza): 
Comissionados:  Dario e Lisiane (Porto Alegre-RS) / Osvaldo e Ondina (Uberlândia-MG)
a) Segurança; 
b) Desfazer quadrilhas de tráfico de pessoas
c) Contra a exploração sexual
d) Tráfico de drogas, principalmente no bairro "Grande Bom Jardim". Muitos jovens envolvidos com drogas.

Alagoas (Maceió):
Comissionados: Lino e Sandra (Araraquara-SP) / Antônia Casabona (Orlândia-SP)
a) Assumir a autoridade contra o espírito de violência que atua no estado.

Paraíba (João Pessoa): 
Comissionados:  Wanderson e Rose (Uberlândia-MG) / Rai e Patricia (Garanhuns-PE)
a) Orar pelo projeto do governo de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescente. 
b) Havido muitos desquites e ataques contra a FAMÍLIA.
c) Havido ataques contra os líderes evangélicos, inclusive problemas de desquite.
d) Jovens evangélicos quando entram na faculdade se desviam de Cristo.

Pernambuco (Recife):
Comissionados:  Malta e Neide (Juazeiro-BA) / Marinho e Angélica (São Paulo)
a) Em Recife e Pernambuco: Problema de violência, incluindo violência contra as mulheres.
b) Em Recife: Aumento do número de casos de prostituição e drogas.

Fernando de Noronha): 
Benedito e Eunice (Belo Horizonte-MG) / Jeová Júnior (Brasília)
a) Trecho de rota aérea. Assumimos o controle dos espírito elementares.

Piauí (Teresina):
Comissionados: Paulo e Rita (Montes Claros-MG) / Otávio e Vitória (Rio Claro-SP)
a) Pelas secretarias: Educação, Saúde, Segurança pública, Trabalho e administração pública.
b) Melhor assistências às populações mais carentes.
c) Saneamento básico e infraestrutura.

Rio Grande do Norte (Natal): 
Comissionados: Florisvaldo e Alda (São Luis-MA) / Wladimir e Lili (São Paulo-SP)
a) Orar pela Educação no estado. As escolas públicas em Natal estão funcionado de forma precária; algumas delas com aulas apenas dois dias na semana por falta de professores.

Sergipe (Aracaju):
Comissionados: Tom e Isabel (Rio Claro-SP) / Leandro e Andréia (Sertãozinho-SP)
a) Pela Segurança: onda de criminalidade assusta os sergipanos.
b) Libertar o povo da idolatria.
c) Pela Saúde: Sergipe está carente de médicos
d) Por mais indústrias: nos últimos anos, muitas empresas se instalaram em Sergipe, gerando emprego e renda e consequentemente diminuindo a pobreza.

Dia 26 - 4a. segunda-feira de Intercessão (Guerreiros Para o Norte):

Acre (Rio Branco):

Comissionados: Everaldo e Telma (Salvador-BA) / Daniel e Simone (Passos-MG)
        a) Orar pelas autoridades (governador Tião Viana,prefeito Marcos Alexandre..) 
        b) Pela melhor proteção das fronteiras.
        c) Pela correta demarcação das terras indígenas e suas qualidade de vida. 

Amazonas (Manaus):
Comissionados: Sebastião e Catarina (S.J.B. Glória) / Vicente e Noemia (Montes Claros-MG)
a) Manaus: está havendo crescimento econômico e de produção, mas falta mão-de-obra qualificada.
c) Jovens indígenas estão largando a faculdade pois não têm apoio financeiro para continuar os estudos.

Pará (Belém): 
Comissionados: Paulinho e Marta (Salvador-BA) / Celso e Cleusa (Passos-MG) 
a) Proclamar libertação da idolatria ao "Círio de Nazaré" e do espírito de pobreza.
c) Pela expansão da rede de Saneamento Básico
d) Abençoar o casal, Guilherme e Patrícia, e sua filha amanda (5 anos) que têm aberto o coração para o Reino.
e) Reconstrução da ponte sobre o rio Moju, que liga a capital Belém ao nordeste do estado, e que desde 23 de março de 2014 foi destruída pela colisão de uma balsa carregada de óleo (e até o momento não foi concluída).
f) Obras do governo estão paradas em Marabá, uma das principais cidades do estado. Há suspeita de corrupção, desvio de verbas, malversação ou mesmo incompetência dos gestores:
  - Construção do centro de convenções
  - Construção do centro de perícias científicas
  - Reforma e ampliação do hospital regional do sudoeste paraense.

Roraima (Boa Vista):
Comissionados: Oélio e Benedita (Campinas-SP) / Domingos e Ginete (Passos-MG)
Tópicos:
1) Governo declarou situação de emergência em 4 municípios do estado, nas quais estão sofrendo consequências com a estiagem.
2) Crendices e fortes tradições indígenas exercem influência no estado por meio de curandeirismo e pajelança.
3) Falta reforço nas fronteiras (com a Venezuela e a Guiana) que têm sido alvo frequente de contrabando e todo tipo de tráfico (drogas, armamentos, animais, mulheres).
4) Há precariedade na área da saúde (faltam hospitais, leitos, ambulâncias, profissionais, equipamentos para procedimentos)
5) Palmira, nosso contato em São João da Baliza-RR e demais contatos que o irmão Antônio Miranda (de Manaus) fez com alguns pastores em Roraima.

Amapá (Macapá):
Comissionados: Arthur e Anelise (Araraquara-SP) / Gilberto e Vitalina (Taquaritinga-SP)

  • Governador do Amapá: Waldez Góes.
  • Prefeito atual de Macapá: Clécio Luis Vilhena Vieira.

 Necessidades urgentes:

  1. Combate a violência.
  2. Combate a corrupção.
  3. Combate a prostituição.
  4. Proteger a fronteiras contra tráfico de armas, de drogas e também de pessoas da Guiana Francesa para Amapá.


Maranhão (São Luis):
Comissionados: Henrique e Solange (Salvador-BA) / Paulo e Miriam (Araraquara-SP)

Flavio Dino (Governador) e Edvaldo Holanda Filho (Prefeito)
a) Pelo estabelecimento da Justiça de Deus na gestão de todos os governos: tanto o estadual, quanto dos municípios maranhenses. Em 2012, 42 prefeitos e ex-prefeitos estiveram envolvidos em denúncias ou processos judiciais. Desse total, 17 prefeitos e 4 ex-prefeitos foram condenados. 
c) Por uma educação de qualidade, valorizando os profissionais da educação e elevando os índices do IDEB e IDH do Estado.
d) Pelo estabelecimento do Reino no coração das pessoas trazendo a restruturação das famílias em todo o Estado.

Estes tópicos de intercessão estarão sempre à disposição no site:
www.reinonet.com.br

Sugestão de intercessão, envie email para:
comissao@omjbrasil.com.br



O projeto OMJ - Operação Marcha de Jericó - está baseado nos ensinamentos da estratégia espiritual que o Senhor usou para a conquista de Canaã, a Terra da Herança. E também no texto bíblico:"Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplica, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens, em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranquila e mansa, com toda piedade e respeito. Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade" (1 Timóteo 2:1 a 4). Deus deseja que todos os Seus filhos sejam intercessores e que todos os homens sejam salvos, através do conhecimento da verdade.

%MCEPASTEBIN%

voltar para CONFERENCIAS

left show tsN fwR normalcase|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left show fwR uppercase bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase c05|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||