2. Estudo: A Restauração da Igreja

Leitura das Escrituras:  

Atos 3:19-26; Isaías cap. 61; Joel caps. 1 e 2; 
Malaquias 3:1-5; Tiago 5:7, 8; Efésios 5:26, 27.

I. A Igreja primitiva perdeu o seu primeiro amor e sua primeira fé. Judas 3, 4; II Pedro 2:1-19; Apoc. 2:4, 5. Isso começou ainda nos dias dos primeiros apóstolos, até a Igreja entrar no período de escuridão espiritual (Idade Escura – Idade Média).

II. Entretanto, o apóstolo Pedro falou da “vinda do Senhor Jesus” em conecção com os fatos da  “Restituição” ou “Estabelecimento de todas as coisas” (Restauração  de todas as coisas) que os profetas haviam profetizado. Atos 3:19-26.

III. Isaías profetizou a porção dobrada do Espírito Santo sobre o povo de Deus, para restaurar e reparar a desolação de muitas gerações. Isaías 6l:1-7. Nestes dias, a Igreja está sendo restaurada e recebendo a porção dobrada do Espírito, unção para restaurar.

IV. Joel profetizou a destruição e a restauração da lavoura do Senhor. Joel 1:3-4; 2:23-32. (Veja mensagem “Sião Destruída e Restaurada” que trata deste assunto por completo). Vocês são os agricultores do Senhor. I Cor. 3:9.

V. Malaquias previu o Senhor purificando Seu povo, de modo que sua adoração e seu culto pudessem ser puros e perfeitos “...como nos dias da antiguidade”. Mal. 3: 1-5. Isto significa restauração espiritual. (A mensagem entitulada “Adoração”, mostra que a restauração da verdadeira adoração ao Senhor faz parte dos planos de Deus no processo de Restauração da Igreja).

VI. O Senhor derramará Seu Espírito sobre Sua vinha (Igreja) até que os frutos amadureçam e sejam perfeitos (“...os preciosos frutos da terra...”) e então Ele virá a eles. Tiago 5: 7-8 – “Sede, pois, irmãos, pacientes até a vinda” – parusia – “do Senhor. Eis que o lavrador espera o precioso fruto da terra, aguardando-o com paciência, até receber a chuva temporã e serôdia. Sede vós também pacientes, fortalecei os vossos corações; porque já a vinda” – parusia – “do Senho está próxima”. A passagem de Oséias 6:1-3, associa a vinda do Senhor com o derramamento da chuva serôdia.

VII. Os dons e ministérios de Cristo são dados para amadurecer e promover perfeição ao Corpo de Cristo. Efésios 4:7-16; I Cor. 12:1-13, 27-31 (o versículo 28 mostra a ordem de restauração dos ministérios: “...primeiro ... segundo... terceiro... depois...”. Entendemos, então, que a restauração dos ministérios fundamentais, descritos em Efésios 4, é condição básica para a restauração e amadurecimento da Igreja - o Corpo de Cristo).

VIII. Podemos estar certos de que o Senhor Jesus Cristo terá uma Igreja com o poder e a pureza da Igreja do Novo Testamento. Efésios 5:26, 27. E mais ainda, a promessa é de porção dobrada: “A glória desta última casa será maior do que a da primeira...” (Ageu 2:9).

Palavra Vivente

voltar para A Restauração da Igreja

left show tsN fwR normalcase|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left show fwR uppercase bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase c05|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||